bonito

por daniellecruz

fechei os olhos enquanto você corria as mãos pelas minhas costas
e tentei memorizar teu cheiro
teu beijo que desde o primeiro tinha sabor de despedida
de fruta roubada
de dor iminente

passei os dedos pelo teu rosto, teus cabelos
tuas texturas ficaram gravadas em minhas mãos
e de cada centímetro teu que partilhei
não consigo me desvencilhar

a memória dos teus olhos
claros e tristes
oceanos profundos
ondas violentas

teu beijo urgente, os lábios mornos
tuas mãos me segurando como quem cai de um precipício
nosso amor breve e intenso
e nós dois éramos um só nó

nossa vida cabe em um dos lados de uma ampulheta.

Anúncios