auto retrato

por daniellecruz

sou eu
esse precipício
essa dor aguda
essa carne crua.

sou eu
do fim ao início
sou milhões de agulhas
no teu corpo nu.

sou eu
desmoronando idéias
despedaçando cartas
sobre o que já fui.

Anúncios